Explicação da Merda

nao vale a pena escarafunchar mais em busca do gene português: com maior ou menor expressão, latente ou dominante, ei-lo no seu esplendor evolutivo. uma pessoa-utente comenta, na página de Facebook afecta à CML, que guarda gulosas saudades de quando comia frango assado na cantina anfitriã, sita algures entre os Olivais e o Socorro. a portugalidade é isto, dar o cu por um frango; pode sê-lo de porte industrial como aqueles que enfartam Mexia, Vara e solturas eflúvias das décadas volvidas sobre o putsch Abrilista – e pode ser uma carcacinha quando mais não for preciso para conquistar o voto, que soi dizer-se o esfíncter, e o caminho todo do colón até ao encéfalo.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s