às vezes – muitas vezes – vejo isto
tão de cima (da escala mais importante
onde o grão de areia
e a centelha imprevisível se juntam),
e ao mesmo tempo
tão de baixo (da miríade
de pessoas piores que eu ja fui)
e pelos lados (
do ponto
de vista
de quem se cruza comigo)
que para nao haver uma implosao
tem de ser feito,
e consagrado,
um sacrificio minuto
a minuto. pode ser o copo
que não faria falta, pode ser
estar sem o “ti” arquetipal,
e pode ser o silencio falso.
tambem pode nao ser nada.
é isto envelhecer sem ter feito
nem uma obra-prima,
nem uma completa merda,
da vida até aqui.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s